Vale a pena colocar opcionais no carro?

Opcionais no carro, valem a pena?

A dúvida sobre colocar ou não opcionais no carro é recorrente para os amantes de automobilismo.

A resposta é depende, e vamos te explicar o porquê.

Se você está comprando um veículo zero quilômetro e ficou na dúvida de incluir opcionais pensando na possível valorização de mercado quando for revendê-lo, a resposta é não.

Os opcionais não mantêm o preço do carro, o que faz a real diferença de liquidez no mercado de usados são os seguintes aspectos; a marca e modelo do carro, ano de fabricação, condições de conservação, revisões realizadas em concessionárias, integridade da estrutura de motor e quilometragem rodada.

Opte por pacotes de opcionais de fábrica, geralmente possuem condições mais atrativas.

Agora, se a sua busca for por um veículo usado, a sua vida fica mais fácil, visto que proporcionalmente os opcionais saem muito mais em conta se comparados aos veículos novos.

A seguir vamos listar oito opcionais que valorizam o seu usado e te ajudará a vender seu carro mais rápido.

1 – Ar-condicionado

Este item já foi tido como luxuoso por não ser comum em veículos de entrada há poucos anos. Hoje em dia o ar-condicionado é praticamente obrigatório e quando falamos de veículos seminovos, os valores de um veículo sem ar-condicionado não diferem muito de um com este opcional e sim, faz toda a diferença na hora da oferta. O ar-condicionado te ajudará no calor da negociação 😊.

2 – Direção hidráulica ou elétrica (direção assistida)

É sem dúvida um dos queridinhos entre os opcionais. Só quem já dirigiu um carro sem direção assistida sabe a diferença no conforto e segurança ao guiar um veículo com este opcional. Se você quiser economizar na academia, basta manobrar um veículo sem direção hidráulica.

Vender um carro usado sem este opcional é bastante difícil, como o ar-condicionado citado acima, veículos usados com a direção assistida possuem praticamente o mesmo preço de veículos usados sem este opcional.

3 – Trio elétrico

Depois da direção assistida e ar-condicionado, o trio elétrico aumentará as chances de revenda. Alarme, vidros e travas elétricas são itens que garantem conforto, comodidade e segurança aos motoristas. Apesar de serem de fácil instalação em veículos que não possuam os acessórios de fábrica, tê-los facilitará na hora da barganha.

Outro item de conforto que poderia ser considerado em um “quarteto elétrico” sãos os espelhos retrovisores com ajuste elétrico, avançando um pouco mais neste opcional, espelhos retrovisores com rebatimento elétrico, além de promoverem mais conforto, tornam o veículo ainda mais completo.

4 – Central multimídia

A maioria das pessoas hoje em dia não abrem mão de uma música ao volante. Claro que quanto mais moderno e com mais recursos melhor, afinal, as centrais multimídia não só tocam música, como também possuem GPS, conexão bluetooth, TV, DVD, sensores de estacionamento e câmera de ré integrados.

É um opcional que pode ser decisivo no momento da venda. Se um comprador encontrar um carro igual ao seu em modelo e quilometragem, mas o outro tiver a central multimídia instalada, a venda ficará mais distante para você.

5 – Bancos revestidos em couro

Como o ar-condicionado, o banco revestido em couro já foi considerado um item de luxo. E hoje por termos tantas possibilidades no mercado, fique ligado. Se o modelo que você pensa em comprar possui uma versão com os bancos em couro, pense sim em tê-los. Afinal, na hora de vender seu veículo daqui alguns anos você irá competir com modelos mais completos que o seu.

E, com a aplicação de airbags laterais instalados na estrutura do encosto, será necessário realizar o serviço em uma concessionária. As redes autorizadas conhecem o projeto do veículo no detalhe e estarão aptas para realizarem o serviço com segurança.

6 – Transmissão automática, automatizada ou manual?

Tudo dependerá do modelo do seu carro. Há alguns modelos que sim, só fazem sentido na versão manual para a maioria dos consumidores. Já outras categorias são praticamente obrigadas a possuir transmissão automática ou automatizada.

Se formos falar de SUVs e Sedãs médios no Brasil opte pelo câmbio automático, será muito mais difícil vender veículos destas categorias com câmbios manuais. No mercado nacional cada vez mais as pessoas procuram por veículos com câmbio automático, é quase que uma fuga aos pedais de embreagem, assim, considere sempre que possível este equipamento.

 7 – Teto solar

Se o teto solar é um opcional no modelo do seu carro, é recomendado que opte pelo item. Além de proporcionar uma experiência única, também é visto como diferencial na hora da revenda.

8 – Itens de segurança

Freios ABS

Dentre os equipamentos de segurança, é o mais eficaz quando o assunto é prevenção de acidentes. O Anti-lock Braking System “ABS” é uma tecnologia de auxílio eletrônico que evita o travamento das rodas em frenagens, muito eficaz em momentos de emergência.

A tecnologia basicamente reconhece quando as rodas irão travar e alivia a pressão das pinças dos freios. Assim, é possível desviar de um obstáculo enquanto se freia, além de gerar uma performance de frenagem maior, diminuindo a distância de total parada do carro. São itens obrigatórios em veículos comercializados no Brasil desde 2014, conforme a resolução 311/2009.

Airbags

Se tornaram obrigatórios por lei nos veículos fabricados no Brasil desde 2014, assim, se você estiver buscando por um veículo usado, considere o airbag mínimo, que são de bolsa dupla frontal. Agora, há também outros modelos de airbags instalados em modelos mais completos, como airbags laterais que protegem o tronco dos passageiros, os airbags de cortina que protegem a cabeça, airbags de joelho que protegem as pernas do motorista contra a coluna de direção e pernas do passageiro contra o painel do veículo.

Freios a disco nas quatro rodas

No Brasil, as montadoras de veículos por economia disponibilizam freio a disco apenas nas rodas dianteiras e sistema a tambor na traseira. Pensando em segurança, veículos com o sistema instalado nas quatro rodas são mais seguros, pois conseguem realizar a frenagem com mais eficiência.

Sistemas EBD e BAS

O EBD é um sistema eletrônico que distribui a força durante a frenagem entre os eixos das rodas. O sistema identifica a diferença de peso entre os eixos e faz o ajuste automaticamente. Por exemplo, caso você esteja com o porta-malas cheio ou passageiros no banco de trás do carro, o sistema cuida para aumentar a força de frenagem no eixo traseiro. Sendo assim um complemento de segurança ao sistema de freios do veículo.

Agora, o sistema BAS é um sistema de assistência de frenagem, que basicamente aumenta a força aplicada ao pedal de freio. Desta maneira, garante a força de pressão máxima no menor período de tempo na reação do motorista, em momentos de emergência, décimos de segundo em uma frenagem podem evitar um acidente.

Controle eletrônico de estabilidade

Este equipamento deverá ser obrigatório para todos os veículos fabricados no Brasil em 2022. O sistema é conhecido pelas siglas ESC (controle eletrônico de estabilidade) ou ESP (programa eletrônico de estabilidade), possui a função de manter o veículo no traçado em curvas ou desvios de rota sem derrapar.

O sistema funciona eletronicamente a partir dos dados absorvidos pelas rodas, direção e motor, o computador realiza o cálculo de todos os dados para avaliar possíveis problemas de estabilidade. Um exemplo prático é a redução de torque do motor e frenagem das rodas corretas quando o motorista entra mais forte em uma curva. Se você busca por veículos com o centro de gravidade alto, como utilitários esportivos, é imprescindível contar com a tecnologia.

Isofix

Se você possui crianças este item deve ser considerado. O sistema de fixação de assentos infantis permite conectar o assento da criança diretamente na estrutura do veículo – diferente de apenas fixação pelo cinto de segurança – o que garante mais segurança em eventuais acidentes, mantendo o habitáculo da criança firme em seu local instalado.

O que achou deste artigo? Deixe o seu comentário e compartilhe!

Veja mais artigos do nosso site clicando aqui.

Não se esqueça de nos seguir no Instagram @prodaditivos lá postamos conteúdos toda semana.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn